A Importância da Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação para o país

Não é de hoje que escutamos falar que as empresas que estão no mercado precisam inovar se quiserem permanecer competitivas. Recentemente, com a entrada abundante de um grande número de pequenas empresas super aceleradas, inovadoras e disruptivas, as startups, este cenário se tornou ainda mais difícil para aquelas empresas extremamente tradicionais e pouco inovadoras. E a tendência para o futuro é que este cenário se transforme ainda mais.

Para , da VMC Inovação, mais do que uma necessidade, investir em pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I) é uma oportunidade e que pode sair muito mais barato do que se pensa. Eidi é engenheiro pelo ITA, professor de Inovação, Criatividade e Tomada de Decisão para a ISAE FGV e já foi diretor de inovação em várias empresas fortes da América Latina. Para Eidi

“é só usar a Lei do Bem de incentivo a inovação”.

Esta é uma lei federal (Lei 11.196) e que existe desde novembro de 2005, mas a grande pergunta que fazemos é a seguinte: se esta lei existe desde 2005, porque as empresas ainda não se utilizam dela. E Eidi nos respondeu:

“A forma como as empresas entendem o processo da inovação não é a mesma forma que o governo interpreta e aceita para o incentivo, além do fato de que a maioria das empresas não tem recursos humanos disponíveis e com expertise necessária para acompanhar estes projetos”, ou seja, não basta fazer a inovação, é preciso relatar o que foi feito.

Atuando há mais de 10 anos como consultor em projetos de inovação, Eidi afirma que muitas vezes não é fácil mesmo. É preciso ir a fundo nos processos da empresa, perguntar coisas que ninguém perguntou antes, entender da cultura da organização, para então pextrair as informações. Mas é possível:

“Na prática, aproximadamente 27% do custo incorrido em inovação retorna em impostos a menos”, relata Eidi.

A parte mais legal de tudo isso é que o universo das startups pode entrar para dentro das grandes empresas através de projetos de PD&I. “Além de novos produtos, processos e tecnologias, incluem-se na inovação esforços para a implantação da cultura de inovação e os investimentos em startups tecnológicas. Investir em startups incubadas com o Labiie e aceleradas com o Condor Connect é PD&I e pode ser dedutível”. Já imaginou a sua empresa investindo em startups e ainda deduzindo parte deste investimento no imposto? Incrível, não é mesmo.

O principal objetivo da inovação é crescer de forma colaborativa.

“O Labiie e o Condor Connect fazem todo o processo de desenvolvimento da startup, a empresa entra com a estrutura e os investimentos necessários e nós acompanhamos todo o processo de gestão dos projetos de PD&I. No final, a empresa fica com a inovação e ainda deduz imposto”.

Eidi encerra a entrevista com uma mensagem bastante impactante para as empresas:

“Em linhas gerais, se a Empresa é lucro real, pagou impostos, realiza inovação e não se utiliza dos benefícios da Lei do Bem, então a empresa está pagando mais impostos do que deveria”.

 

E aí, você também está pagando mais impostos?

 

Use o universo das startups para fazer o seu projeto de inovação acontecer. Entre em contato através do e- mail contact@energybss.com ou pelo Whatsaspp: 51 99708-0727 e agende uma visita. E aproveite, quanto mais você trabalhar pelo seu negócio, maior será a sua inovação.

 

 

Fonte: https://bit.ly/36D6trd